REVIVER NO TEMPO

REVIVER NO TEMPO

Para além de variadíssimas propostas de viagem pelo conhecimento com visitas guiadas e encenadas, tertúlias e colóquio, a Braga Romana volta a proporcionar mais de 72 horas de programação ininterrupta e cerca de 200 espetáculos em palco.

CINEMA – SESSÃO FAMÍLIA ASTÉRIX – O DOMÍNIO DOS DEUSES
11 de maio | 15h00 | Casa dos Crivos

Estamos no ano 50 antes de Cristo e toda a Gália está ocupada pelos romanos… Toda? Não! Uma pequena aldeia habitada por irredutíveis gauleses resiste, ainda e sempre, ao invasor. E a vida não é fácil para as guarnições de legionários romanos. Atormentado com a incapacidade dos seus soldados conquistarem aquele pequeno grupo de resistentes, o governador Júlio César percebe que o melhor a fazer é alterar o modo da sua investida e instalar um condomínio de luxo precisamente ao lado da aldeia. Agora, com a tentação à sua frente, serão os habitantes capazes de resistir à invasão romana?
Género: Animação | Duração: 85’ | Classificação Etária: maiores de 03 anos | 2014 | Franco-Belga | Louis Clichy e Alexandre Astier

CINEMA – SESSÃO CINÉFILO CÉSAR DEVE MORRER
11 de maio | 21h30 | Casa dos Crivos

O diretor da prisão e o encenador explicam aos prisioneiros o novo projeto – a encenação de ‘Júlio César’ na prisão. O primeiro passo é a escolha dos atores, o segundo passo é a compreensão do texto. A linguagem universal de Shakespeare ajuda os prisioneiros-atores a identificarem-se com as suas personagens. O caminho é longo e cheio de ansiedade, esperança e divertimento. São estes os sentimentos que acompanham os presos à noite, nas suas celas, após cada dia de ensaios na prisão de Rebibbia, em Roma.
Género: Documentário | Duração: 77’ | Classificação Etária: maiores de 12 anos | 2012 | Itália | Vittorio Taviani e Paolo Taviani

CENTURIUM – X CERTAMEN LUDORUM LATRUNCULORUM – CENTURIUM – X TORNEIO DE JOGOS ROMANOS DE TABULEIRO
17 de maio | 09h00 | Altice Fórum Braga

X Torneio de Jogos Romanos de Tabuleiro é o culminar da dinamização dos jogos do Moinho, Soldado, Seega e Tábula, em contexto escolar, no âmbito do Projeto Educativo Centurium. No dia 17 de maio, alunos oriundos de diversas escolas de vários concelhos vão defrontar-se para apurar o vencedor absoluto em cada jogo e em cada escalão, nomeadamente: Primus Cycle; Secundus Cycle; Tetrium Cycle; Secundarium e Inclusat. Sem esquecer os professores decorrerá, em simultâneo, um Torneio para Professores (Institutor) e ainda um concurso para nomear “O Melhor Tabuleiro” (Optimus Certamine Tabula), dos elaborados pelas diferentes escolas participantes.

À DESCOBERTA DE BRAGA
COLOQUIO BRACARA AVGVSTA ET ROMAE PVERITIA
18 de maio | 09h00 às 18h00 | Museu D. Diogo de Sousa

A infância na grande urbe de Roma, centro de uma verdadeira cultura global há dois mil anos, será muito diferente da vivência das crianças de hoje? Por um lado, temos a sensação de uma sociedade culturalmente muito diferente, em que o nascimento, a vida e a morte eram acompanhados de gestos e de pensamentos assaz distantes dos nossos; por outro, a observação dos inúmeros testemunhos – de diversa natureza – que a Antiguidade Romana nos legou mostrar-nos-á que a essência pueril não mudou significativamente. Refletir sobre como era ser menino no mundo romano é o propósito do colóquio de 2019, que reúne um conjunto de estudiosos que nos darão a conhecer, nas suas múltiplas perspetivas, a vida da criança romana desde o nascimento à adolescência e passagem à idade adulta.
Organização: Câmara Municipal de Braga, Associação Clenardvs, Museu D. Diogo de Sousa e Biblioteca Lúcio Craveiro da Silva
Inscrições: inscricoes.cultura@cm-braga.pt

À DESCOBERTA DE BRAGA
VISITA GUIADA BRACARA ROMANA ABSCONDITA – BRAGA ROMANA ESCONDIDA”
18 de maio | 09h30 | Ponto de Encontro: Largo S. João do Souto

Esta visita pretende dar a conhecer os espaços arqueológicos já devidamente musealizados ou em fase de musealização, que por motivos diversos ainda se encontram longe do olhar do público.
Itinerário: Necrópole do Liberdade Street Fashion (Av. da Liberdade), Domus da Escola Velha da Sé (R. Dom Afonso Henriques), Ínsula das Carvalheiras (Largo das Carvalheiras) e Ruínas Arqueológicas de São Martinho de Dume (São Martinho de Dume).
Inscrições: gab.arqueologia@cm-braga.pt | Apoio: Unidade de Arqueologia da Universidade do Minho.

À DESCOBERTA DE BRAGA
CAMINHADA ITER PER VIAM ROMANAM XVIII – CAMINHADA NA VIA ROMANA XVIII”
19 de maio | 07h00 | Ponto de Encontro: Praça Conde Agrolongo

Na sequência da “Caminhada – Via Romana XVIII”, realizada no contexto do evento cultural “Braga Romana” no ano transato, o Município de Braga promove no próximo dia 19 de maio, mais uma vez, uma caminhada nesta via, agora compreendida entre as milhas XXXIV (Portela do Homem – Gerês) e XXVIII (S. João do Campo – Gerês).
Pelo grande número de marcos miliários que possui e pela beleza da paisagem que a envolve, este fragmento de via constitui um dos troços mais emblemáticos na Europa, entre os vestígios deste tipo de património que até nós chegou do mundo romano.
A via romana XVIII, do itinerário Antoniano, ou Via Nova, ou ainda, a Geira, foi mandada construir na época dos Flávios, para servir de ligação entre a antiga Bracara Augusta e Astúrica Augusta, a atual cidade espanhola de Astorga.
Após a caminhada, realizar-se-á um almoço volante, ao qual se segue uma visita ao Museu de Interpretação da Via XVIII (Campo do Gerês).
Público-alvo: maiores de 12 anos | Grau de dificuldade: Médio | Apoio: Município de Terras de Bouro | Apoio à organização: KATAVUS – Associação Ambiental e Cultural | Valor: 10,00 €, inclui almoço, lanche e entrada no Museu de Interpretação da Via XVIII (Campo do Gerês) | Inscrições limitadas até 10 de maio: gab.arqueologia@cm-braga.pt

LUDI LITTERARII – CORTEJO INFANTOJUVENIL
22 de maio | 10h00

Pueri (Crianças): Avenida da Liberdade; Largo Barão S. Martinho; Rua do Souto; Rua Dr. Justino Cruz; Rua Eça de Queirós e Praça Municipal, para a cerimónia de receção.
Iuvenes (Jovens): Termas Romanas; Rua Dr. Rocha Peixoto; Rua de Santiago; Largo Paulo Orósio; Rua de S. Paulo; Largo S. Paulo; R. D. Gonçalo Pereira; Rua do Cabido; Rua D. Diogo de Sousa; Rua da Misericórdia e Praça Municipal, para a cerimónia de receção.

ACTIO CONDENDI BRACARAM AUGUSTAM – RITO FUNDACIONAL DE BRACARA AUGUSTA
22 de maio | 22h00 | Palco Apolo – Rossio da Sé

Todas as novas cidades fundadas por Roma eram precedidas por um ritual imperioso que sagrava o território e o delimitava, lançando as bases do seu ordenamento. Iniciado por altos sacerdotes, o ritual culmina com o pronunciar do nome da divina urbe de Bracara Augusta, e o protagonismo das “filhas” da deusa Vesta, que acenderão e protegerão o fogo sagrado da cidade para toda a eternidade.

SENATUS BRACARAE AUGUSTAE – SENADO DE BRACARA AUGUSTA
23 de maio | 22h00 | Palco Apolo – Rossio da Sé

No “Senado” de Bracara Augusta o conselho dos Decuriões reúne-se para determinar o traçado das novas condutas de abastecimento de água e a possível construção de um majestoso aqueduto. O cheiro nauseabundo das cloacas vem importunar os orgulhosos narizes dos Magistrados que se apressam a elaborar planos para o eliminar.

BRACARA AUGUSTA TRIUMPHALIS – CORTEJO TRIUNFAL
24 de maio | 21h30

Itinerário: Avenida Central; Largo Barão S. Martinho; Rua de S. Marcos; Rua D. Afonso Henriques; R. D. Gonçalo Pereira; Largo S. Paulo; Rua de S. Paulo; Largo Paulo Orósio.

 

 

 

DIES LUSTRICUS – BATIZADO ROMANO
25 de maio | 16h00 | Palco Apolo – Rossio da Sé

Aquando do nascimento de uma criança, esta era sujeita à aprovação do Pai (Pater Familias) que ao pegar nele (Tollere filium) indicava a sua aceitação!
Após aceite, somente passados oito dias para as raparigas e nove para os rapazes, ocorria o Dies Lustricus, uma cerimónia de purificação, com a dádiva do seu nome e da respetiva família, para apresentação à sociedade.
Das ofertas feitas à criança neste dia, destaca-se a Bulla, que acompanhará a criança até imposição da toga viril, no caso dos rapazes, e ao dia do casamento no caso das raparigas.

CONSILIUM DEORUM – CONCÍLIO DOS DEUSES
25 de maio | 22h00 | Palco Neptuno – Pátio do Museu D. Diogo de Sousa

Revisitamos o passado mitológico do povo romano. Contado no presente pelo seu mais alto representante, este espetáculo almeja a compreensão das entidades divinas religiosas regentes na então Bracara Augusta.
César Augusto, o grande Imperador e o maior dos humanos, reunirá as suas memórias em míticos episódios apresentados sob a mágica forma das artes celestes como a música, dança e o teatro, entre outras que pretendem uma clara alusão à Roma Antiga.
Neptuno, Deus dos Mares e Oceanos, criador dos cavalos, tempestades e tufões, surge no centro desta tragicomédia e é através da personificação dos deuses que levamos o espectador numa instrutiva e divertida viagem divina às tão humanas vicissitudes da mitologia romana.

 

ROMANAE NUPTIAE – CASAMENTO ROMANO
26 de maio | 17h00 | Palco Neptuno – Átrio do Museu D. Diogo de Sousa

Um casamento romano era sinónimo de festa e alegria e, na grande maioria dos casos, de grandes alianças políticas e económicas. O ritual da cerimónia é recheado de momentos simbólicos da mitologia clássica, como também de notáveis partes lúdicas que durante o banquete deliciam os noivos e seus convidados.

 

 

 

ROMANA FUNERA – FUNERAL ROMANO
26 de maio | 21h30 | Palco Neptuno – Átrio do Museu D. Diogo de Sousa

Após a morte, os romanos cumpriam o ritual de expor o corpo para velação pública. Seguia-se o cortejo fúnebre que, chorado por “carpideiras” e embelezado pela pompa, percorria as principais vias da cidade até ao local da cremação, onde aí cumpria a sua função de apoteose.